O Soja Plus foi apresentado nesta quarta-feira (20), em Cuiabá, ao procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho (MPT), Marcel Bianchini Trentin. Criado em 2011 pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), o programa de melhoria contínua nas propriedades rurais tem projeções internacionais e é um case de sucesso nas áreas ambiental, trabalhista e socioeconômica. 
 
Atualmente, 1.222 agricultores participam do Soja Plus. O número representa 1,7 milhão de hectares cultivados e, até o fim deste ano, a meta da Aprosoja é que 1.800 produtores rurais estejam inseridos no programa. 
 
Continue lendo aqui.