Releases

Texto
Compartilhar

Fortalecimento Institucional

Cade questiona fusão Monsanto & Bayer

Aprosoja manifestou preocupação com o risco de alguns mercados passarem a ser monopolizados por apenas uma empresa

04/10/2017

A Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) recebeu positivamente a recomendação do Conselho de Administração da Defesa Econômica (Cade) pela impugnação da compra da norte-americana Monsanto pela alemã Bayer. O parecer foi divulgado hoje e considerou alguns argumentos apresentados por representantes dos agricultores, que manifestaram preocupação com o risco de concentração em importantes segmentos de atividade, como biotecnologia.

A Aprosoja foi uma das entidades que se manifestaram no processo da fusão no Cade como terceira interessada por ser diretamente influenciada pela possível fusão das companhias. “Este é apenas o primeiro passo, mas sinaliza que estamos atentos a todos os riscos que o nosso associado pode vir a ter, com o embasamento científico e jurídico que cada ponto deve ter”, observa o presidente da Aprosoja, Endrigo Dalcin.

Em sua argumentação, o Cade considerou serem insuficientes as ações sugeridas para que mesmo com a fusão das duas empresas não haja prejuízo de mercado aos clientes – como é o caso dos agricultores.

Em setembro de 2016, a Bayer anunciou a compra da Monsanto por US$ 66 bilhões, dando então início à maior empresa de agroquímicos do mundo.

(Com informações da Reuters)

Fonte: Ascom Aprosoja

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: comunicacao@aprosoja.com.br

Veja Também