Releases

Texto
Compartilhar

Fortalecimento Institucional

Entidades contempladas pelo Agrosolidário são visitadas pelo presidente da Aprosoja

São cerca de 500 associados que moram nos mais diversos municípios de Mato Grosso.

13/03/2019

Gratidão é a palavra que resume o encontro entre a Associação de Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT) e a Associação Mato-grossense dos Cegos (AMC), que aconteceu nesta terça-feira (12.03). A visita contou com a presença do presidente da Aprosoja, Antônio Galvan, que conheceu um pouco dos trabalhos desenvolvidos pela instituição, assistida desde o ano passado pelo programa Agrosolidário, criado e coordenação pela entidade.

Palavras emocionadas de gratidão, alegria e esperança foram lançadas pelos assistidos presentes no encontro. Conforme a presidente da Associação dos Cegos, Keli Cristina Ramos de Oliveira, a inserção da instituição no Agrosolidário garantiu a continuidade da assistência para os cerca de 500 associados que moram nos mais diversos municípios de Mato Grosso. 

Keli, que é cega total dos dois olhos, assumiu a presidência da casa de apoio no final de 2017 e recebeu a instituição com diversos problemas financeiros. Ela explica que o início das contribuições garantiu o não fechamento das portas da Associação. 

Em Cuiabá e Várzea Grande são assistidos mais de 300 deficiente visuais, que  realizam atividades recreativas, esportes, educação física e aulas de informática.

“Somos imensamente gratos. A contribuição foi primordial, pois estávamos para fechar as portas da Associação. Nos ajuda muito, não tínhamos uma renda fixa pra custeio e manutenção e agora podemos contar. Realizar e atender melhor os associados. O uso é feito conforme as necessidades, desde gasolina para mobilidade, manutenção e reforma do prédio, alimento, materiais de uso diário e pagamento de dívidas. Nossas demandas não terminaram e essa ajuda de custo encaminhada pela Aprosoja é bastante importante”, disse Keli.

Durante a visita, o presidente da Aprosoja, acompanhado pela gerente administrativo e financeiro, Gisele Lima, e pela analista de relacionamento, Karen Mathias, conheceu a estrutura da sede, os trabalhos desenvolvidos por voluntários e colaboradores, e participou de atividades com os cegos. 

Galvan acredita que a visita foi importante para Aprosoja, pois pode perceber o tamanho da importância da ação realizada por meio do Agrosolidário.

“Com todos os depoimentos que ouvimos ficou perceptível a importância dessa contribuição que a Aprosoja realiza todos os meses. Foi válida a ida lá, representando nossos mais de 5.500 associados. Eles estão de parabéns pela administração do local e pelo sucesso que está sendo. Vamos continuar mantendo esse trabalho importante”, afirmou o presidente da Aprosoja. 

A visita à Associação Mato-grossense dos Cegos faz parte de uma série de encontros com instituições que continuarão ou começarão a ser atendidas pelo programa Agrosolidário. Ainda na terça-feira, tambem foi visitada a sede do Instituto dos Cegos, em Cuiabá, Lar Recanto Feliz e Abrigo Sombra da Acácia, em Jaciara.

Agrosolidário - Desde 2009, o projeto atua em parceria com creches, asilos, hospitais, entidades filantrópicas, APAE, como Hospital de Câncer e Projeto Flauta Mágica. Atualmente são 74 instituições beneficiadas que estão distribuídas em mais de 30 cidades mato-grossenses.

 

Fonte: Ascom Aprosoja

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: comunicacao@aprosoja.com.br

Veja Também