Releases

Texto
Compartilhar

Política Agrícola e Logística

Produtores rurais da região Leste pressionam pela FICO

Comitiva organizada pela Aprosoja participou de duas audiências públicas em Brasília

Divulgação

20/09/2018

Os 383 quilômetros da Ferrovia de Integração do Centro Oeste (FICO), de Campinorte (GO) a Água Boa (MT), ajudarão muito a logística da região Leste de Mato Grosso. Para pressionar a inclusão deste trecho em duas propostas de prorrogações antecipadas de concessões, cujos valores de outorga poderão viabilizar a construção do primeiro trecho da FICO a  empresa Vale, responsável pela Estrada de Ferro do Carajás e Estrada de Ferro Minas Vitória, é que uma comitiva de produtores rurais participou nesta segunda (17) e terça (18) de duas audiências públicas realizadas em Brasília (DF). 
 
De acordo com o diretor executivo do Movimento Pró-Logística, Edeon Vaz Ferreira, a participação em reuniões e audiências públicas é fundamental para buscar a aprovação de um estudo na Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT). “A empresa Vale pediu uma prorrogação antecipada de contrato para estas ferrovias, o que deve gerar outorgas no valor de cerca de R$ 4 bilhões – outorga  é o valor que a empresa paga ao governo pela concessão. 
 
Estas prorrogações ainda terão que ser aprovadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Depois das audiências públicas e contribuições por escrito, os técnicos analisam e corrigem o projeto. Esse material é encaminhado junto com o aditivo do contrato para avaliação do TCU. 
 
Para o coordenador da comissão de Política Agrícola e Logística da Aprosoja, Diogo Rutilli, a participação nas audiências públicas é importante para se atingir o objetivo. “Foi um sucesso, tanto na participação dos produtores rurais como em representação de classe. É desta forma que devemos agir para conseguirmos melhorias para o setor”, afirma. 
 

Fonte: Ascom Aprosoja

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: comunicacao@aprosoja.com.br

Veja Também