Releases

Texto
Compartilhar

Fortalecimento Institucional

Mais de 4.000 participam do Circuito Aprosoja 2017

Evento levou palestra sobre importância da liderança e da gestão no agro

Lucas Ninno

14/06/2017

O 12º Circuito Aprosoja passou por 25 municípios de Mato Grosso e reuniu cerca de 4.400 participantes. Realizado entre os dias 4 de maio e 9 de junho deste ano, o evento foi realizado pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT).  
 
Na programação, os produtores rurais contaram com a palestra do Senar sobre três novos cursos voltados aos agricultores, com foco na prevenção e no combate dos incêndios nas lavouras; do presidente da Aprosoja, Endrigo Dalcin, que fez um balanço do setor e das contribuições da associação desde sua criação, em 2005; e do professor e coach Carlos Júlio, com o tema “Por que está cada vez mais difícil ter sucesso sozinho?”, sobre gestão e liderança. 
 
Para Dalcin, a palestra de Carlos Júlio veio em excelente momento para os associados e reflete, também, o momento do agronegócio em relação ao país e aos mercados interno e externo. 
 
“A gente sabe que há 11 anos estávamos em um momento difícil, quando criamos a Aprosoja. Hoje ela é a maior entidade do Brasil em representatividade. Fazemos um grande trabalho, também, fortalecendo a Aprosoja Brasil e criando outras Aprosojas. A união precisa existir porque nós precisamos falar em nome da cadeia lá fora. Nós, de Mato Grosso, nos preocupamos com essa união, tanto que trouxemos uma palestra com foco em decisões, em gestão, no cooperativismo e associativismo. A gente não vive sozinho em lugar nenhum e precisamos participar cada vez mais das nossas comunidades”. 
 
Professor de instituições como a Escola Superior de Propaganda e Marketing (Espm), a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e a Fundação Instituto de Administração (FIA-USP), Carlos Júlio não tem os “pés no agro”, como ele mesmo disse, porém analisa que o dia a dia do agricultor mato-grossense é desafiador e exatamente por isso uma boa gestão é fundamental. 
 
“Quem sobrevive na crise são os bons, os melhores. E o produtor rural brasileiro tem uma crise por ano. Ou é o clima, ou é o governo, ou são questões ambientais, ou é o mercado. Então, é fundamental ter um olhar para a gestão do negócio. Eu não tenho o pé no agro, mas tenho apreciação e respeito e uma torcida imensa pelo setor. E não podia ser diferente, já que representa ¼ do PIB brasileiro. E por isso mesmo o produtor precisa se preocupar um pouquinho mais com a gestão do seu negócio: um olho no fluxo de caixa, outro olho na produtividade, outro na participação ativa nas instituições, que pode mudar um pouco a realidade da porteira para fora”. 
 
Roteiro – O 12º Circuito Aprosoja foi lançado em Cuiabá, no dia 4 de maio. Em seguida passou pelos seguintes municípios: Campo Verde, Alto Taquari, Alto Garças, Rondonópolis, Primavera do Leste, Jaciara, Cláudia, Sinop, Vera, Sorriso, Tapurah, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Campos de Júlio, Sapezal, Campo Novo do Parecis, Tangará da Serra, Diamantino, Gaúcha do Norte, Canarana, Querência, Porto Alegre do Norte, Água Boa e Nova Xavantina. 
 
Parceria - Além da parceria entre Aprosoja e Senar-MT, o Circuito Aprosoja contou com o patrocínio da Bayer, da Syngenta, da Basf, da UPL, da Fundação MT, do Sicredi e da Argus Media.
 

Fonte: Ascom Aprosoja

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: comunicacao@aprosoja.com.br

Veja Também